*

FICHA TÉCNICA
  • DATA DE LANÇAMENTO
    20/07/2011 - Xbox 360
    16/08/2011 - PC
  • DESENVOLVEDORA
    Supergiant Games
  • Distribuidora
    Warner Bros.
  • Classificação Etária
    Para maiores de 10 anos
  • Offline
  • Número de Jogadores
    1

O mundo de Bastion foi tomado por um evento apocalíptico e o protagonista controlado pelo gamer acorda para descobrir que o bastião — a “fortaleza segura”, o abrigo do povo — está em ruínas. No caminho, você também descobre o seguinte: o mundo está se construindo assim que o personagem o explora. É isso mesmo, o chão se constrói de acordo com os passos do aventureiro.

Um dos objetivos da trama, obviamente, é ajudar um estranho na construção de um bastião. Como? Coletando itens pelos cenários. O gamer deve sempre ficar atento aos objetos e, principalmente, aos oponentes capazes de jogar o personagem para “fora do mundo”. Algumas cenas retratam perigosos desmoronamentos à volta do personagem.

Misturando um bom trabalho de arte com gráficos bidimensionais e com uma jogabilidade convidativa, a fórmula deste game consegue facilmente deixar os jogadores em transe. Além disso, os combates e os demais acontecimentos do jogo são bem contextualizados com uma narrativa de qualidade. São feitos comentários até mesmo com base em certas ações do jogador.

Pressionar botões freneticamente para derrotar os oponentes? Não neste jogo. Ao que tudo indica, Bastion possui um sistema de batalha complexo e satisfatório. O personagem comandado pode se esquivar de ataques, bloquear investidas, disparar projéteis de longe e desferir golpes corpo a corpo. O equilíbrio entre ataque e defesa é fundamental para o sucesso.

Comentários ()