Fonte: Reprodução/VentureBeat
Seamus Blackley, o homem responsável pela concepção do Xbox original, acaba de ser incumbido da missão de liderar uma equipe de mentes veteranas — do tempo do Atari — com a tarefa de produzir 10 títulos para a THQ publicar para iOS ainda neste ano. Por quê? Segundo Blackley, a THQ tem enfrentado problemas financeiros e comerciais devido a falta de estratégias para o mercado digital.

O conjunto de veteranos dos games é chamado Innovative Leisure, representado pelo criador do Xbox, declarou que a falta de planejamento digital da empresa foi, de certa forma, atrativo para eles. O grupo de desenvolvimento vai focar nas plataformas menos usuais, como os celulares, tablets e os smartphones.

Novas plataformas, novos desafios


Seamus Blackley é um homem muito experiente e sabe que deve ser cuidadoso em suas declarações. De acordo com o site VG24/7, Blackley disse ao site Eurogamer que a primeira coisa que é verdade sobre as novas plataformas móveis é que “se você acha que sabe do que está falando, você está completamente errado”.

E é exatamente nesses termos que o líder da Innovative Leisure pretende conduzir os trabalhos. No mercado de móveis, o público-alvo é tão abrangente e os targets mudam com tanta frequência, que é impossível simplesmente “saber” o que fazer para atingi-lo. E o alvo é definido, simplesmente, pelo que é mais prazeroso de se jogar em determinado momento.

Apoio do “chefão”


Hoje, é muito comum as fazer pessoas pagarem pelos games que são os mais requisitados do momento; é o modelo de negócio mais “queridinho” do momento. Entretanto, segundo Blackley, “tentar utilizar esse mesmo padrão comercial sob um ponto de vista empresarial é realmente algo estúpido”.

E, para a felicidade da Innovative Leisure, o “chefão” da THQ, Danny Bilson, entende perfeitamente isso. Tanto é, que já havia protótipos do que á no mercado do iOS — apesar de que muitas das ideias estavam direcionadas a outros tipos de plataformas, principalmente portáteis. Para terminar, Blackley diz que será ótimo ter uma publicadora desse porte para apoiar e divulgar os trabalhos.

Será?

A contratação de Blackley e de toda a equipe de antigos mestres dos games, formando a Innovative Leisure deixa duas grandes perguntas no ar. A primeira delas: será que esse grupo de senhores de cabeça prateada ainda têm criatividade atual para oferfecer, depois de 30 anos dedicados aos games?

E a segunda: se eles já estavam pré-dispostos a usar seus conhecimentos para criar jogos inovadores e interessantes para iOS, por que, exatamente, eles precisam da THQ para lançar os jogos? Especialmente, de uma desenvolvedora que passa por tantosproblemas financeiros?
Nós aqui do Baixaki Jogos estamos muito curiosos para ver os primeiros resultados dessa parceria. E você acredita neles ou não? Não deixem de comentar!
 

Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria? Colabore com o autor clicando aqui!