*

FICHA TÉCNICA
  • DATA DE LANÇAMENTO
    13/03/2007 - PS3
    31/10/2006 - Xbox 360
    17/10/2005 - PC
  • DESENVOLVEDORA
    Day 1 Studios
  • Distribuidora
    Vivendi Games
  • Classificação Etária
    Não informado(a)
  • Online
  • Número de Jogadores
    1-16
F.E.A.R é um jogo de tiro em primeira pessoa desenvolvido pela Monolith Studios, mesma responsável pelo jogo de horror Comdemned: Criminal Origins. Ou seja, a softhouse já tem experiência em provocar sensações de medo e tensão no jogador, e isso se mostra verdadeiro em F.E.A.R., título que contém gráficos soturnos, sombras angustiantes, muito sangue além de efeitos sonoros e uma trilha original muito competente.

O enredo narra a experiência de um novado na equipe de elite F.E.A.R. (First Encounter Assault Recon), um grupo de assalto especializado em missões que envolvam problemas sobrenaturais. Neste caso, o dever é investigar e eliminar um sargento lunático com poderes paranormais que controla um pelotão de soldados clonados. Sua meta é obscura, porém é sabido que envolve experimentos científicos com uma pequena garotinha que, por sua vez, faz aparições sinistras no decorrer do game.

A jogabilidade corresponde exatamente aos moldes estabelecidos do jogo: um soldado apenas contra uma legião de inimigos, armado com pistolas, rifles, bazucas e granadas. O diferencial do jogo é o amplo uso do efeito slow-motion (também conhecido como bullet-time) que não só aumenta a dramaticidade da cena, como permite ao jogador mirar de maneira mais precisa.
 
Outra virtude é a excepcional inteligência artificial, com inimigos inteligentes e com capacidade de se organizarem no mapa e fazerem manobras táticas. Ademais, F.E.A.R. Conta com bons gráficos porém com texturas repetititivas, um enredo ligeiramente monótono em mapas lineares, contrabalanceado com uma trilha sonora de primeira, correspondente aos melhores filmes de terror da atualidade.
Comentários ()