*

FICHA TÉCNICA
  • DATA DE LANÇAMENTO
    06/03/2007 - Xbox 360, DS
    14/11/2006 - Wii
    05/12/2006 - PS2
    11/12/2006 - PC
  • DESENVOLVEDORA
    Ubisoft Montpellie
  • Distribuidora
    Ubisoft
  • Classificação Etária
    Não informado(a)
  • Offline
  • Número de Jogadores
    1-4

Rayman Raving Rabbids é um jogo de plataforma 3d que conta com um simpático e despreocupado protagonista chamado Rayman. Suas principais características são: uma aparência inofensiva, ser uma criatura bípede sem boca porém com muita expressividade e viver alegremente em um colorido planeta com seus amigos Globox, bichos pequenos, roliços e azuis.

E é dessa maneira que Rayman Raving Rabbids inicia a história, com o protagonista desfrutando de bons momentos com seus amigos Globox através de um picnic. Tudo vai bem até que um monstrengo gigante furioso o rapta e o leva para uma arena para servir de diversão para sádicos coelhos sanguinolentos (?!). Não só o enredo é extravagante como também são os cerca de 70 minigames que atribuem ao jogador o objetivo de estapear portas de mictórios onde esses coelhos fazem suas necessidades, materlar a cabeça deles para criar o maior galo possível além de posicionar Rayman em irreverentes danças ao som de música Disco, Dance ou Rock.


No caso específico do console Wii, o Wii-mote proporciona uma diversão considerável devido aos movimentos que jogador tem que desempenhar, o que inclui desde rotacionar rapidamente o controle para arremessar vacas até colocá-los em movimento vertical para que Rayman entregue um presente explosivo antes de um determinado tempo. Nas demais plataformas os controles são adptados a cada um de seus joysticks, assim como os gráficos condizem com o hardware individual deles. Porém, dado o aspecto simples das texturas e aparência do mundo de Rayman, em nenhumas das plataformas o resultado visual chega a ser ruim.


A trilha sonora conta com bons momentos, especialmente no joguinho de dança. Nos outros minigames, existe um caráter sonoro especial para cada um deles. Com todos os aspectos citados, conclui-se que Rayman é um bom título para as crianças em especial e para os donos do Wii, que podem aprender bastante a utilizar o controle em divertidos minigames. Porém, pode-se dizer que em todas as plataformas Rayman tende a enjoar e se tornar um jogo desinteressante com o passar do tempo, devido à simplicidade dos desafios apresentados.

Comentários ()