*

FICHA TÉCNICA
  • DATA DE LANÇAMENTO
    22/11/2013 - Xbox One
    Outubro de 2014 - PC
  • DESENVOLVEDORA
    Crytek Studios
  • Distribuidora
    Microsoft
  • Classificação Etária
    Para maiores de 17 anos
  • Online
  • Número de Jogadores
    1-2

Ryse: Son of Rome é um projeto da desenvolvedora Crytek — a mesma de Crysis e Far Cry — exclusivo para o Xbox One. A demonstração trazida durante a última edição da E3 (Electronic Entertainment Expo) mostrou um cenário devastado pela guerra, no qual alguns poucos remanescentes mantêm-se em pé enquanto uma narrativa épica esbraveja contra os deuses.

O set bem poderia ter pertencido ao filme Gladiador ou algum congênere. Com pesadas armaduras, tarjes feitos de couro e escudos, os guerreiros caminham entre máquinas de guerra e inimigos caídos. Embora as informações não sejam objetivas, o clima do trailer deixa claro: trata-se da abordagem de um mundo antigo, onde divindades tão poderosas quanto mesquinhas puxam as cordas de uma Humanidade oprimida. 

De fato, os deuses parecem mesmo ser os maiores antagonistas aqui. Basta prestar atenção ao que diz a já mencionada narrativa épica: “quando as almas dos oprimidos lutarem...”, ou ainda “quando o redemoinho de destruição soprar do trono dos deuses...”. Em meio ao caos provocado pela suposta ira divina, caminha aquele que será o herói de uma apoteose ainda sem nome — com sangue respingando da sua espada, ressoa a pergunta: “quem vai permanecer?”

Isso afora alguns detalhes, é claro. Um observador mais atento talvez tenha percebido, quando a câmera se afasta do extenuado grupo de guerreiros, pode-se perceber um sujeito com um machado de combate e um capacete que bem poderia ser mongol. Trata-se de mais um dos “Kingdoms” (reinos) que tomarão partido na batalha herege contra os deuses? Ou, melhor ainda, trata-se de mais um herdeiro da pancadaria divina profetizada por God of War?

Comentários ()